Dicas para o acompanhante


banner-site-dicas para o acompanhante

O paciente oncológico necessita de cuidados clínicos especializados e principalmente de apoio emocional. A sua participação é muito importante para o sucesso do tratamento.

Fique atento às nossas dicas!

 

ORIENTAÇÕES GERAIS:

  • Procure usar roupas confortáveis e sugira ao paciente que faça o mesmo.
  • Atenção à sua saúde e de todos ao seu redor! É proibido fumar nas dependências do Hospital!
  • Apresentem-se com antecedência ao horário marcado para que a equipe possa recebê-los e atendê-los com tranquilidade;
  • Verifique com o paciente se os exames laboratoriais, de imagem e outros relacionados ao seu tratamento, estão em mãos, facilitando assim o seu atendimento;
  • O CETUS têm prazer em receber o acompanhante durante a estada do paciente. É recomendada a permanência de um acompanhante apenas, para evitar possíveis transtornos e trazer mais conforto a todos;
  • Se houver alguma particularidade ou necessidade específica comunique à equipe o mais rápido possível. Faremos o máximo para atendê-lo;

DICAS:

  • Cuide de você para que tenha saúde e equilíbrio emocional. Reserve um tempo para suas atividades, alimente-se bem e  procure um espaço de relaxamento sempre que necessário.
  • Fique atento às suas emoções! Ao longo do tratamento pode ser que o cansaço físico e desgaste emocional comecem a alterar o seu comportamento. Se perceber que necessita de apoio psicológico procure a equipe do CETUS!
  • Se estiver com alguma dúvida, precisar de orientações ou esclarecimentos procure o médico do paciente ou o oncologista de plantão no CETUS.
  • Lembre-se de que o seu acompanhado precisa de um pouco de privacidade e pode ficar a sós em alguns momentos. É importante refletir, dormir, reorganizar os sentimentos e estar em contato conosco sempre.
  • Atenção aos excessos! Trate o paciente da maneira mais natural possível. Estimule-o a se ocupar, a não se limitar.
  • Os cuidados na alimentação também exigem atenção especial! Se estiver com dificuldades busque orientação com o serviço de nutrição do CETUS. Se for necessário, marque uma consulta para seu acompanhado.

Redação: Leticia Costta Medeiros Martins

Psicóloga Clínica

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • Digg
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email